foto1

Garotas jogam bola em campo de futebol da Vila Pimental, comunidade ribeirinha que fica às margens do Rio Tapajós, no oeste do Estado do Pará. A comunidade, onde vivem cerca de 750 pessoas, fica em área que será afetada pelas obras da hidrelétrica de São Luiz do Tapajós, a quarta maior do país em capacidade de geração de energia e com leilão para construção marcado para 2015. Além de atingir inúmeras comunidades ribeirinhas e aldeias indígenas, a construção da hidrelétrica de São Luiz será marcada pelo maior custo ambiental da história do país. O lago criado pela barragem, que terá altura equivalente a um prédio de 13 andares, deve inundar quase 1.400 quilômetros quadrados de floresta intocada, incluindo uma das áreas mais protegidas da região, o Parque Nacional da Amazônia.

foto2

Mais informações em: filiperedondo.com/tapajos