cr-rindoPelé aumentou a sua lista de gafes depois do evento realizado nesta última segunda-feira em São Paulo. O rei do futebol, ao ser questionado sobre quem poderia vencer a Bola de Ouro 2013, prêmio dado pela FIFA para o melhor jogador da temporada, Pelé respondeu: “As últimas quatro decisões foram entre Messi e Cristiano “Leonardo” (Ronaldo). Pelo que percebo de futebol, vai ser decidido entre os dois novamente”, afirmou.

Momentos antes de trocar o nome do maior astro do futebol português e do Real Madrid, Pelé, quando perguntado sobre Ayrton Senna, disse que o brasileiro foi o maior “motorista” (não seria piloto?) da história do automobilismo.

aytonsenna-motoristaO jornal português “A Bola” não perdoou as gafes de Pelé e realizou uma lista com todas as gafes cometidas pelo rei do futebol
durantes os últimos anos. Uma delas é emblemática: em 2009, na Dinamarca, Pelé, quando quis se referir a Michael Jordan, uma das maiores lendas da NBA de todos os tempos, trocou por “Michael Jackson”, rei da música pop e falecido neste mesmo de 2009.

Romário disse certa vez: “O Pelé calado é um poeta”. Parece que o Baixinho estava certo.

Fonte: A Bola